Normas Editoriais

As produções intelectuais não podem passar em branco. A Viva Editora existe para materializar as ideias e as pesquisas. Ao preparar, publicar e divulgar as obras apresentadas, a Editora compartilha o conhecimento com a sociedade.

Não é difícil encaminhar um texto para publicação. O primeiro passo é agendar uma reunião com a diretora da Viva Editora, Profa. Sheila D. Maluf, entregar o seu texto original, encadernado e com as folhas numeradas, acompanhado de um requerimento simples que identifique a obra, autoria e os contatos pertinentes, para futura comunicação.

O texto será encaminhado ao Conselho e os critérios de avaliação variam, conforme alguns pré-requisitos. Além da originalidade, atualidade e relevância, o texto tem de despertar interesse. O texto pode ser recusado quando não estiver dentro das normas editoriais que regem a Editora; ou se for encaminhado ainda na forma original de tese, dissertação ou relatório de pesquisa. Se aprovado, define-se o suporte de publicação da obra: papel ou eletrônico, então é incluído na programação editorial da Viva Editora para ser publicado. A Viva Editora é a primeira editora de Maceió a aceitar, estimular e publicar obras em formato eletrônico, pois tem como um de seus compromissos oferecer ao leitor, o conhecimento em todos os formatos.

A edição representa a penúltima etapa do processo. O texto é revisado formatado, tem seu projeto gráfico definido, tratamento catalográfico, incluindo a disponibilização do número de ISBN, que é um fator crucial para identificar uma editora séria e bem estruturada. O livro, então, está pronto para ser lançado e distribuído nas livrarias da capital e de todo o país e através dos sites das maiores redes de livrarias.
 

PUBLICAÇÕES MONOGRÁFICAS (Livros):
 

Normas do processo editorial

O texto deverá estar redigido em português e passar por uma revisão de linguagem e de normalização (seguindo as normas da ABNT)[1];

Deve ser digitado em Word, no formato de papel A4, encadernado e com as páginas devidamente numeradas.
 

ESTRUTURA (baseada na NBR 6029/2006)

1. Folha de rosto

Deve apresentar as seguintes informações:

Autor(es) e/ou organizador(es)

Título e subtítulo, este se houver

Edição: indicar só da segunda em diante

Local (cidade)

Casa publicadora

Ano de publicação
 

2. Dedicatória*                                                      

3. Agradecimento*

4. Epígrafe*

5. Listas (de ilustrações, de abreviaturas e siglas etc.), se for necessário

6. Sumário

7. Prefácio e/ou Apresentação*

8. Corpo do texto

9. Posfácio*

10. Referências

11. Glossário*

12. Apêndice(s)*

13. Anexo(s)*

14. Índice(s)*  

* Elementos opcionais
     

PUBLICAÇÕES PERÍODICAS/SERIADAS (Revistas, Anais de Congressos, Boletins...):
 

Normas do processo editorial

Publicação impressa - lançamento[2]
 

Boneco definitivo (sem emendas ou rasuras) das seguintes partes do primeiro número da publicação:

Capa, Folha de rosto, Expediente, Sumário, Editorial ou apresentação, Um artigo (o primeiro da apresentação ou sumário)
 

Publicação impressa - já em circulação
 

Exemplar do primeiro número da publicação e do número mais recente, ou cópia das seguintes partes:

Capa, Folha de rosto, Expediente, Sumário, Editorial ou apresentação, um artigo
 

Publicação em CD-ROM
 

Capa do CD-ROM (prova definitiva);

Rótulo do CD-ROM (prova definitiva);

Impressão da tela de abertura da publicação no CD-ROM.
 

Publicação Eletrônica
 

Impressão das primeiras telas onde o título e a designação numérica e/ou cronológica apareçam;

Impressão das telas de expediente e sumário.

Obs: O ISSN somente será atribuído às publicações online que já estejam disponíveis na internet (1º volume completo).

A página principal da publicação online deverá conter links para:

Apresentação, Corpo editorial, Normas para publicação, Endereço de contato, Edição atual, Edições anteriores

A revista eletrônica — além da periodicidade, corpo editorial, plano de trabalho anual, conteúdo produzido por distintos colaboradores etc. — deve atender também a alguns pré-requisitos:

1. Presença de diversos mecanismos de recuperação da informação, permitindo a navegação pelo sumário, edições anteriores (com a numeração correta para cada volume), normas para publicação, apresentação, corpo editorial;

2. Disposição de padrões normalizados para organização do conteúdo;

3. Garantia e manutenção dos aspectos relativos à preservação digital, como também preservação da URL  que permite o seu acesso.

Como exemplo, segue a URL do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas (SEER), do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict): http://seer.ibict.br/.

Fonte: Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict) – Centro Brasileiro do ISSN.

 

OBSERVAÇÕES IMPORTANTES:
 

O título deve aparecer de forma idêntica em todos os locais em que é mencionado no periódico (ex.: capa, folha de rosto, expediente, editorial ou apresentação etc);

A publicação deve apresentar numeração de fascículo (designação numérica e/ou cronológica, inclusive ano de publicação na capa do periódico) independentemente da identificação da edição publicada conforme sua periodicidade;

É necessária a inserção da logomarca da Viva Editora na capa de toda publicação periódica e, para os CDs-ROMs , a logomarca também deve aparecer na película;

Para demais questionamentos ou auxílio para sua submissão, por favor, contactar:
 

Direção:

Profa. Dra. Sheila D. Maluf

+55 82 3021-4110, 9129-1297, sdmaluf@uol.com.br

Coordenação Editorial:

Fernanda Lins

+55 82 9127-5064, editorial@vivalivrariaeditora.com.br



[1] A Viva Editora oferece sugestões de profissionais que possam realizar as tarefas supracitadas.

[2] Para publicação periódica impressa, do tipo Revista, enviar para a Viva Editora o boneco completo para auxílio na padronização da estrutura correta de tal periódico.